Segunda-feira, 27 de Abril de 2009

Avaliação de Desempenho

Já fui observado a 1ª vez!

procurei fazer exactamente o mesmo que faço nas outras aulas e nos outros dias com uma pequena/enorme excepção: a planificação diária!

Isto de planificar para múltiplos anos de escolaridade diariamente só quem nunca deu aulas é que pode sequer cogitar uma coisa destas!

Então isto é viável: duas horas para planificar 45 minutos de aula!!!! Então e as outras quatro horas no meu caso (1º ciclo)? Nem lembra ao Diabo... bem, talvez lembre... Mas isso são outros quinhentos!

Se ainda me arvorar a criar suportes pedagógicos diversificados de acordo com as dificuldades individuais e Necessidades Educativas Especiais então chego à conclusão que não posso sequer dormir e ainda assim fico em dívida ao dia porque 24 horas não são suficientes!

Mas eu, caso chegue ao patamar de Muito Bom que me permitirá artificialmente subir um valor na graduação profissional, e como o meu propósito ao propor-me à avaliação de desempenho não é passar à frente de ninguém mas antes prevenir que outros passem à minha frente sem que pelo menos dê alguma luta, troco essa classificação por uma justa posição gradual se todos assumirem que ninguém, repito, ninguém beneficie desta aberração burocrático/pedagógica que nivela mal aquilo que é impossível de nivelar. Professores diferentes, turmas diferentes, contextos sócio-económicos diferentes e alunos diferenciados que não robots não leva a uma equidade na avaliação. Antes pelo contrário, leva a um desiquilibrar objectivo em função de factores subjectivos arbitrários que podem ser tantos quantos os quisermos imaginar... eu consigo... e vocês, não conseguem?


publicado por Pedro Santos às 18:50
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Elisabete Ribeiro a 28 de Abril de 2009 às 14:27
Pois é amigo, eu também já fui avaliada, melhor, tive uma aula assistida por um coordenador do primeiro ciclo. Como dizes e muito bem, a única diferença foi realmente a planificação, que no meu caso só foi do momento de avaliação, nem foi diária. Também é verdade que, para efectuar planificações como essa, realmente nem tempo tínhamos para as coisas mais prazenteiras da vida, e nós não matámos ninguém para tal penúria. Quem disser que planifica diariamente como o faz para a aula assistida, mente com todas as letras. Agora, assistir a uma aula de 45 minutos (no meu caso ultrapassou por circunstancia da aula) e avaliar um docente por ai, então eu já nem falo em Muito Bom, mas sim o Excelente. De oitenta e tal professores do 1º ciclo do meu agrupamento só 4 é que quiseram aula assistida. Não para passar à frente de ninguém, mas porque quem não deve também não teme. Agora sim, eu e os outros 3 colegas queremos sim o Excelente! Digo isto porque assisti a comentários absurdos a justificarem a não escolha de aulas assistidas, tipo: "e se nesse dia estou mal disposta (o)" ou "os alunos podem portar-se mal" e " e se me dá uma branca" ou então"se começo a tremer e não me sai nada"... pelos santinhos que nos iluminam, quem ensina não tem de temer estas "mazelas"! Puras desculpas de mau pagador! Amigo, não peças o Muito Bom, pois tens conhecimento do teu trabalho numa sala de aula. Mínimo dos mínimos , EXCELENTE!!


Opinar

.Mais sobre mim


. Ver perfil

. Adicionar como amigo

. 1 seguidor

.Visitas bemvindas

.Setembro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.O que escrevo

. O ataque ao direito ao tr...

. E o decreto-lei 132/2012,...

. Mutualização da dívida do...

. Um pensamento sobre o sub...

. A crise e a poupança

. Uma análise à crise portu...

. Se eu fosse Primeiro Mini...

. O Minsitério da Educação,...

. O Excessso de Zelo

. O 5º Congresso Educação

.Portas para outras dimensões

.Quem me liga

Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!

.Procure(a)

 

.Portas para outras dimensões

SAPO Blogs

.subscrever feeds